Etiquetas

quarta-feira, 12 de março de 2014

CORTA PULSEIRA ELETRÓNICA E TENTA MATAR EX-COMPANHEIRA

PADRONELO-AMARANTE

Uma mulher de 48 anos foi, ontem cerca das 7.45 horas, baleada na cabeça pelo ex-companheiro, já indiciado por violência doméstica, na Praça dos Silvarinhos, em Padronelo, Amarante. Para sorte da vítima, o disparo atingiu-a, apenas, de raspão.

Assistida na urgência do Centro Hospitalar Tâmega e Sousa, em Penafiel, a mulher teve alta cerca das 16 horas. Por questões de segurança, Maria L.C. residente em Boim, Amarante, foi encaminhada pela segurança social para um refúgio de mulheres vítimas de violência.

Parte do crime foi testemunhado pela vizinhança. Uma das testemunhas, sob, anonimato explicou ao RCP que apenas ouviu o tiro, mas que viu o homem a agredi-la fisicamente já depois do disparo.

Aliás, pelo relato feito por esta testemunha ao RCP, o homem terá apontado a arma a um casal que aquela hora passava de carro que havia parado para levar a mulher ao hospital. “Ele ameaçou-os e eles, um casal, arrancaram sem a mulher.

“Ela”, a vítima explica a fonte, “coitada fugia e gritava. E eu dali”, apontando para uma varanda, “berrava-lhe para deixar a mulher”. De seguida, o autor disparo, de 55 anos, cuja última residência que lhe é conhecia era Freixo de Cima, terá fugido numa carrinha branca em direção à Régua, pela EN101, encontrando-se "ainda a monte".

Sem comentários:

Enviar um comentário